Orquídeas do Mato

As Orquídeas do mato são belíssimas, e realmente atribuem ainda mais riqueza para a fauna brasileira. Elas vivem em vegetação selvagem, estão no meio das florestas, e dificilmente se dão bem em ambientes fechados, tendo sempre a preferência pelo céu aberto.

Estima-se que existam mais de 30 mil diferentes espécies de orquídeas, sendo que todas elas costumam florir. Elas variam em cores, tamanhos e formatos, e são flores muito especiais, que despertam paixões em alguns colecionadores.

Uma das características dessas flores é que elas são bem exigentes com relação ao seu ambiente. Ou seja, elas precisam ser estudadas para se adaptarem bem, e exigem um ambiente com iluminação, ventilação e água na medida certa.

A Importância Do Habitat Para As Orquídeas Do Mato!

            As orquídeas do mato, por sua vez, são plantas que se desenvolvem em meio a grandes vegetações – e isso é importante para o seu crescimento saudável. Existem inúmeras variedades, e elas demandam de vegetação ao redor para o crescimento. Conheça alguns exemplos:

Cattleya Labiata:

            Se trata de uma flor cujo principal atrativo é o perfume incrível que ela exala quando floresce, o que acontece entre o final do verão e o começo do outono. Também ficou conhecida como “Rainha do Nordeste Brasileiro”, já que essa região em que costuma crescer com mais saúde;

Cattleya granulosa:

            Ela geralmente é encontrada nos estados do Pernambuco, Alagoas, Sergipe e Paraíba, mas é no Rio Grande do Norte que está a maior concentração. Elas nascem mais próximas do inverno, em junho e julho.

Rodriguezia Bahiensis:

            Natural da Mata Atlântica, essa flor tem ocorrência tanto no Nordeste quando no Sudeste, principalmente em Minas Gerais. É belíssima, muito utilizada para compor buques de noivas devido ao seu belo caimento, já que as flores pesam e se posicionam em cascata.

Lipares Nervosa:

            É comum em áreas mais lamacentas, e a sua raiz costuma ser superficial. Gosta de florestas encharcadas, onde a umidade é realmente o ponto mais importante para o seu desenvolvimento. Um tipo muito curioso e muito bonito de Orquídeas do Mato.

Como Fazer Orquídea Florir

Orquídeas Do Mato Podem Ser Cultivadas Em Casa?

            O cultivo das orquídeas do mato em casa não é impossível, mas é mais difícil. São plantas que demandam cuidados bem específicos, e precisam que o seu habitat seja praticamente reproduzido – no que diz respeito a umidade, luminosidade, ventilação, etc.

            É importante entender que existem leis que protegem essas espécies, e tornam crime o ato de arrancar mudas das florestas para tentar o cultivo particular. Além disso, é preciso ter um amplo cuidado e conhecimento a respeito para que elas floresçam saudáveis.

            O hábito de removê-las de seu habitat é um dos grandes problemas enfrentados por essas flores, e pode ser que levem algumas delas ao estado de extinção.

Como Criar Orquídeas Do Mato?

            A forma mais correta e saudável de cultivar suas próprias orquídeas do mato é obtendo mudas com floriculturas legalizadas. Também procure saber quais são as flores que estão na sua região, assim será mais fácil de elas crescerem saudáveis, pois estarão habituadas ao clima.

            Não adianta você tentar reproduzir uma orquídea que gosta de umidade em uma região seca, ou uma que lida melhor com tempos amenos no sol escaldante da Paraíba. Todos esses aspectos precisam ser pensados antes de começar o cultivo.

            A variedade de Orquídeas do Mato com certeza é impressionante, e nos ajuda a compreender um pouco mais a riqueza da fauna brasileira. São milhares de espécies que se dividem em diferentes cores, modelos, tamanhos e demandas diferentes para cultivo.  As Orquídeas do Mato são um prato cheio para os amantes dessas flores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *